Bem-vindo
Eu tenho idade legal para tomar álcool no meu país
Si
No

Guia TRIO: corpo do vinho

Friday, 19 March, 2021

Já se perguntou por que existem vinhos que são mais leves ao paladar e outros mais densos?

A resposta é certeira: o corpo do vinho. O significado dessas palavras é simples, o corpo do vinho é como a gente sente ele na boca. O vinho fica mais denso quando é encorpado, também pode ser leve ou médio dependendo de diferentes fatores como álcool, taninos, acidez e açúcar.

Álcool

Se o que você sente na boca é uma sensação de calor e densidade no palato, significa que contém mais álcool. Um vinho que contém mais de 14% de álcool é um vinho encorpado. Já os vinhos leves tendem a ter um nível de álcool abaixo de 12%.

Taninos

Os taninos são um fator importante na definição do corpo de um vinho. Eles conferem amargor e adstringência ao sabor escolhido. Provêm da casca e do caroço da uva, mas também podem estar presentes na madeira em que o vinho foi fermentado. Os tintos são os que contêm maior quantidade de taninos, os brancos com cores claras contêm baixos teores de taninos e por isso são leves.

Acidez

Vinhos com acidez vão fazer você salivar mais ao degustá-los do que um vinho com baixo nível de acidez. Sendo assim, costumam ser associados a vinhos de corpo equilibrado ou encorpado.

Açúcar

Para produzir o álcool, é necessária uma quantidade de açúcar que permita a fermentação do vinho. No entanto, o açúcar residual permanece, que é aquele que não foi fermentado e da mesma forma permanece no vinho. Por isso, quando falamos em vinho seco, trata-se de um vinho com baixo teor de açúcar residual. Os vinhos com baixo nível de açúcar residual, são considerados vinhos doces.

Para considerar que um vinho tem corpo, é necessário perceber o nível de açúcar que contém e que se percebe na boca.

Agora que você é um especialista em identificar os fatores que fazem um vinho encorpado ou leve, tome uma taça de seus TRIO Wines favoritos e aprecie todas as sensações que o tornam especial e seu vinho preferido.

 

en "Guia TRIO: corpo do vinho"
Deixe um comentário

Os comentários estão fechados.